A barra do Governo Federal só poderá ser visualizada se o javascript estiver ativado. Ir direto para menu de acessibilidade.

Opções de acessibilidade

GTranslate

    pt    en    fr    es
Início do conteúdo da página
42º Reditec

Gestores do IF Goiano participam da Reunião

0
0
0
s2sdefault
Publicado: Quinta, 13 de Setembro de 2018, 15h21 | Última atualização em Sexta, 14 de Setembro de 2018, 18h28 | Acessos: 128

Evento, que ocorre de 10 a 14 de setembro, em Búszios (RJ), reúne gestores de todos os IFs do Brasil. Entre os temas já discutidos estão internacionalização, dificuldades regionais e experiências exitosas em áreas acadêmicas e administrativas.

A equipe de gestores do Instituto Federal Goiano (IF Goiano), composta pelo reitor, pró-reitores, diretores-gerais e diretores de implantação de campi participam, desde a segunda-feira, 10, da 42ª Reunião Anual dos Dirigentes das Instituições Federais de Educação Profissional e Tecnológica (Reditec). O evento é organizado pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec/MEC) e pelo Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif). Em 2018 a Reditec está sendo sediada pelo Instituto Federal Fluminense, na cidade de Búzios, RJ.

Com ampla programação, o evento tem como tema O Trabalho no Século XXI – Globalização, Inovação, Educação Profissional e Tecnológica: caminhos e desafios para inclusão e reúne dirigentes de IFs de todo o País. Entre as pautas já discutidas está a ampliação de parcerias internacionais, para promover intercâmbios acadêmicos e profissionais, bem como cooperação em projetos de pesquisa e desenvolvimento tecnológico. O momento, ocorrido na terça-feira, 11, envolveu, entre outros integrantes, o vice-presidente do Instituto Politécnico do Porto, Carlos Ramos, o diretor do Banco Santander, Steven Assis, e Luis Kauachi e Claudia Brenes, da Organização Universitária Interamericana.

Também na terça-feira, durante os Fóruns Regionais, debateu-se a possibilidade de realização de reuniões regionais das instituições da Rede Federal, o que se chamou de Reditec Regional. Além de promover maior integração entre gestores e campi, a iniciativa poderá servir como uma preparação de pautas e percepções conjuntas para as edições nacionais da Reditec. Na ocasião foi apresentado o exemplo da Reditec Sul, que ocorreu pela primeira vez em 2018, envolvendo o IFSC (de Santa Catarina), IFC (Catarinense), o IFPR (Paraná), o IFRS (Rio Grande do Sul), IFFar (Farroupilha) e IFSul (Sul-Rio-grandense). O evento regional teve como foco a avaliação do impacto causado pela presença dos campi nos municípios e seus entornos.

Experiências em rede – Um momento da Reditec foi dedicado exclusivamente para a apresentação e troca de experiências envolvendo as diversas unidades dos Institutos Federais pelo Brasil. Ao todo foram 83 trabalhos apresentados, em 11 categorias diferentes: Acesso, permanência e êxito; Administração; Currículos e Metodologias de Ensino; Desenvolvimento Institucional e Planejamento; Extensão; Gestão de Pessoas e Administração; Gestão do Ensino; Integração Ensino-Pesquisa-Extensão; Pesquisa; pesquisas do Programa ProfEPT; e Políticas estudantis, Inclusão e Assistência Estudantil.

O IF Goiano participou com dois trabalhos, Redução da carga horária na perspectiva do currículo integrado no IF Goiano - Campus Avançado Hidrolândia e Ações Extensionistas: possibilidades à formação docente e a aproximação com a comunidade externa, ambos apresentados na categoria Currículos e Metodologias de Ensino.

A Reditec segue até sexta-feira, 14, quando será encerrada com a redação da Carta de Búzios. O Documento, que contemplará os anseios e principais pontos levantados no evento, será encaminhada à Setec/MEC. Entre os relatórios que a comporão estão os frutos dos debates ocorridos nos Fóruns Regionais, ocasião em que os gestores levantaram as dificuldades particulares enfrentadas pelas unidades. Entre os pontos comuns foram citados melhorias nas estruturas dos campi, otimização logística e aumento de recursos.

Fonte: Ascom - Campus Ceres, com informações de André Nazário (IF Sertão-PE), Sheneville Araújo (IFRR) e Ana Paula Batista (IFMG)

registrado em:
Fim do conteúdo da página