Siparuna guianensis: obtenção do óleo essencial e avaliação do potencial farmacológico

Authors

  • Luiz Everson da Silva Universidade Federal do Paraná
  • Carla Maria Abido Valentini Instituo Federal de Ciência e tecnologia de Mato grosso
  • Wander Miguel de Barros iNSTITUTO FEDERAL DE MATO GROSSO

DOI:

https://doi.org/10.33837/msj.v1i2.72

Abstract

Este trabalho tem por objetivo apresentar uma importante planta medicinal e aromática: Siparuna guianensis Aublet, família Siparunaceae utilizada nos neotrópicos, e que vem sendo apontada por estudiosos como uma espécie prioritária de conservação para a região do cerrado. Estudou-se a variação da composição do óleo das folhas Siparuna guianensis de uma área de preservação ambiental no município de Cuiabá-MT, visando o manejo sustentável da espécie, o controle da matéria-prima utilizada como medicinal, bem como se avaliou sua potencial atividade sobre o sistema nervoso central

Author Biographies

Luiz Everson da Silva, Universidade Federal do Paraná

Possui graduação em Química (Bacharelado) pela Universidade Regional de Blumenau (FURB), mestrado em Química pela mesma Universidade (2003), fez parte de sua tese de Doutorado com bolsa do DAAD na Technische Universität Darmstadt na Alemanha (2005-2006) na síntese de N-heterociclos de interesse no tratamento da doença de Alzheimer e concluiu a tese de Doutorado em Química na Universidade Federal de Santa Catarina. Tem experiência na área de Química como professor no Ensino Médio e Superior. É Professor Adjunto na Universidade Federal do Paraná - Setor Litoral nos cursos de Licenciatura em Ciências e Agroecologia. Atua na área de Química na perspectiva da sustentabilidade,  com foco nos seguintes temas: bioprospecção, gestão de resíduos, educação cientifica, ensino de ciências, etnofarmacobotânica. É coordenador do sub-projeto PIBID do curso de licenciatura em ciências da UFPR. Atua também na investigação de impactos antrópicos nos ecossistemas do Litoral do Paraná. É professor do quadro permanente do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável  da UFPR.

Carla Maria Abido Valentini, Instituo Federal de Ciência e tecnologia de Mato grosso

Graduação em Licenciatura em Ciências / Habilitação em Química pela Universidade Federal de Mato Grosso (1988), mestrado em Física e Meio Ambiente pela Universidade Federal de Mato Grosso (2004) e doutorado em Agricultura Tropical pela Universidade Federal de Mato Grosso (2009).  Professora do Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia de Mato Grosso (IFMT), campus Cuiabá-Bela Vista nas áreas de Química e Ciências Ambientais

Wander Miguel de Barros, iNSTITUTO FEDERAL DE MATO GROSSO

Graduado em Farmácia com Habilitação em Análises Clínicas pela Universidade de Cuiabá (1998), mestrado em Saúde e Ambiente pela Universidade Federal de Mato Grosso (2001) e doutorado em Ciências da Saúde pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (2007). Atualmente docente do Instituto Federal de Ensino de Educação, Ciência e Tecnologia, Campus Bela Vista. Tem experiência na área de Bioquímica e Farmacologia. Professor credenciado ao Programa de Pós Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos

References

(1) Halberstein, R. A. (2005) .Medicinal plants: historical and cross-cultural usage patterns. Annals of Epidemiology, 15 (09), 686-699..

(2) Maciel, M; Guarim Neto, G. (2006) Um olhar sobre as benzedeiras de Juruena (Mato Grosso, Brasil) e as plantas usadas para benzer e curar. Boletim do Museu Paraense Emílio Goeldi, série Ciências Humanas, 2(3), 61-77.

(3) Maciel, M.A.M.; Pinto, A.C.; Veiga J.R, Grynberg, N.F., Echevarria, A. (2002) . Plantas medicinais: A necessidade de estudos multidisciplinares. Química Nova, 25 (3), 429-438.

(4) RENNER,S. S. & HAUSNER, G. (2005) . Monograph of Siparunaceae. Flora Neotropica, 95, 1-256.

(5) Carmona, P. F.; Guarim Neto, G. (2001) As Plantas medicinais, suas formas de uso e aplicabilidade fitoterápica: o saber tradicional. In Uso da Biodiversidade: Flora medicinal do cerrado do leste mato-grossense; uma abordagem etnobotânica. Relatório técnico. Instituto de Biociências. Departamento de Botânica e Ecologia. UFMT.

(6) Rodrigues, V. E. G.; Carvalho, D. A. (2001) Levantamento etnobotânico de plantas medicinais no domínio do cerrado na região do Alto Rio Grande – Minas Gerais. Ciência e Agrotecnologia, 25 (1), 102-123.

(7) Souza, C. D.; Felfili, J. M. (2006) . Uso de plantas medicinais na região de Alto Paraíso de Goiás, GO, Brasil. Acta Botanica Brasílica, 20 (1), 135-142.

(8) Souza, L. F. de. (1992) . Levantamento etnobotânico na localidade de São Gonçalo, Cuiabá, Mato Grosso, Brasil. Monografia de Graduação. Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá.

(9) Somavilla, N. V. (1998) . Utilização de plantas medicinais por uma comunidade garimpeira do Sudeste mato-grossense, Alto Coité - Poxoréo / Mato Grosso. Dissertação de Mestrado, Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá.

(10) Pasa, M. C. (1999). A utilização dos recursos vegetais no Vale do Aricá, Mato Grosso: um estudo etnoecológico. Dissertação de Mestrado, Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá.

(11) Schimoller, E. (1997) . Levantamento preliminar das plantas medicinais utilizadas pelos índios Bakairi, Aldeia Pakueran (Paranatinga, Mato Grosso). Monografia de Graduação, Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá.

(12) Duarte, T. G. (2001). Um estudo etnoecológico sobre o uso de recursos vegetais em Nova Xavantina, Mato Grosso. Dissertação de Mestrado, Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá.

(13) Antônio, T. M., Waller, G. R.; Mussinan, C. J. (1976) . Composition of essencial oil from the leaves of Siparuna guianensis (Monimiaceae). Chemical Industries, 16, 1187-1188.

(14) Rebouças, L.M.C. (1984). Terpenos de Siparuna guianensis: aldeídos via epoxidação de duplas terminais. Dissertação (Mestrado em Química) - Faculdade de Química, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza.

(15) Zoghbi, M.G.B.; Andrade, E.H.A.; Santos, A.S.; Silva, M.H.L.; Maia, J.G.S. (1998). Essential oils of Siparuna guianensis Aubl. J. Essent. Oil Res., 10, 543–546.

(16) Viana, F. A.; Andrade-Neto, M.; Poliquen,Y. B. M.;Uchoa, D. E. A. (2002). Essential oil of Siparuna guianensis Aublet from the Amazon Region of Brazil. Journal of Essential Oil Research, 14, 60-62.

(17) Fischer, D. C. H.; Limberger, R. P.;Henriques, A. T.; Moreno, R .H. (2005) Essential Oils from Fruits and Leaves of Siparuna guianensis (Aubl.) Tulasne from Southeastern Brazil. Journal of Essential Oil Research,17 (1), 101-104.

(18) Castellani, D.C.; Casali, V.W.D.; Souza, A.L.; Cecon, P.R.; Cardoso, C.A.; Marques, V.B. (2006). Produção de óleo essencial em catuaba e negramina em função da época de colheita. Rev. Bras. Pl. Med., 8 (4), 62-65.

(19) Braz-Filho, R.; Gabriel, S.J.; Gomes, C.M.R.; Gottlieb, O.R.; Bichara, M. G.A.; Maia, J.G.S. (1976). Oxoporphine Alkaloids from Fusea Longifolia and Siparuna Guanensis. Phytochemistry, 15, 1187-1188.

(20) Leitão, G.G., El-Adji, S.S, De Melo WAL, LEITÃO, S.G., BROWN, L. (2005).Separation of free and glycosylated flavonoids from Siparuna guianensis by gradient and isocratic CCC. J. Liq. CHROM. & REL. TECHNOL., 28 (12), 2041-2051.

(21) Leitão, G.G.; Simas, N.K., Soares, S.S.V.; Brito, A.P.P.; Claros, B.M.G.; Brito, T.B.M.; Monache, F.D. (1999) Chemistry and pharmacology of Monimiaceae:a special focus on Siparuna and Mollinedia . J. Ethnopharmacol. , 65, 87-102.

(22) Maitelli, G. T. (1994). Uma Abordagem Tridimensional de Clima Urbano em Área Tropical Continental. O Exemplo de Cuiabá – MT. Tese de Doutorado, São Paulo. Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas/Universidade de São Paulo. São Paulo.

(23) Malone, M. H. (1977). Pharmacological Approaches to Natural Products Screening and Evaluation in New Natural Products and Plant Drugs with Pharmacological, Biological or Therapeutical Activity, Edited by Wagner, H. and Wolff; Spriger-Verlag, Berlin..

(24) Barros, W.M . (2007). Efeito do extrato hidroetanólico dos rizomas da Simaba ferruginea St Hil. (Simaroubaceae), sobre o comportamento e reprodução de ratas da linhagem Wistar. São Paulo, Tese de Doutorado, Faculdade de Ciências Médicas, Santa Casa de São Paulo. São Paulo.

(25) Gguaraldo, l.; Chagas, D.A.; Konno, A.C.; Korn, G.P.; Pfiffer,T.; Nasello, A.G. (2000). Hydroalcoholic extract and frations of Davilla rugora Poiret: effects on spontaneous motor activity and elevated plus-maze behavior. J. Etnopharmacol., 72,313 –321.

(26) Nasello, A. G.; Machado, C.; Bastos, J. F.; Felicio, L. F. (1998). Sudden darkness induces a high activity-low anxiety state in male and female rats. Physiology & Behavior. , 63, p.451-454..

(27) Pellow, S. (1985). Can drug effects on anxiety and convulsions be separated? Neurosci Biobehav Rev. , 9, p.55-73.

(28) Lister, R.G. (1987) . The use of pluz-maze to measure anxiety in the mouse. Psychopharmacol .,92, p. 180-185.

(29) West, C. (1990). Terpene biosynthesis and metabolism. In DENNIS, D.T.; TURPIN, D.H. Plant physiology biochemistry and molecular biology. Longman Scientific & Technical. p.353-369, London.

(30) Nahas, T. R. (2001). O teste do campo aberto. Departamento de Fisiologia, Instituto de Biociências, Universidade de São Paulo.

(31) Rodgers, R. J.; Cao, B. J. Dalvi, A.; Holmes, A. (1997). Animal models of anxiety an etho

Published

2018-03-18

How to Cite

da Silva, L. E., Valentini, C. M. A., & de Barros, W. M. (2018). Siparuna guianensis: obtenção do óleo essencial e avaliação do potencial farmacológico. Multi-Science Journal (ISSN 2359-6902), 1(2), 59-65. https://doi.org/10.33837/msj.v1i2.72

Issue

Section

Biological and Health Sciences