Implantação de sistemas de compartilhamento de bicicletas no contexto brasileiro: aspectos norteadores

Authors

  • Philippe Barbosa Silva Instituto Federal Goiano - Campus Rio Verde
  • Adriana Modesto de Sousa Universidade de Brasília
  • Rodrigo Azevedo Cruz de Oliveira Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão do Distrito Federal
  • Fabiana Serra de Arruda Universidade de Brasília

DOI:

https://doi.org/10.33837/msj.v2i2.904

Keywords:

Cidades brasileiras, Implantação de bike-sharing system, Ciclovias

Abstract

O presente estudo tem como objetivo principal fornecer aspectos norteadores para implantação de sistemas de compartilhamento de bicicletas para a realidade brasileira. Para tanto, buscou-se parâmetros já utilizados em outros contextos e experiências exitosas do serviço. Para a confecção da proposta de metodologia para o contexto brasileiro, que basicamente avalia a viabilidade técnica e financeira de implantação do sistema de compartilhamento de bicicletas e os elementos estruturais necessários para tal sistema, tomou-se como referências documentos institucionais e literatura científica especializada. Há diversos apontamentos pertinentes existentes nas metodologias e experiências analisadas, carecendo, no entanto, de adaptação para a realidade do Brasil. O presente estudo permitiu, portanto, delinear as diretrizes para implantação de um sistema de compartilhamento de bicicletas nesse contexto. Dois eixos principais devem ser analisados: Viabilidade e Estrutura. No primeiro eixo, área de cobertura, análise de demanda, fatores ambientais e culturais, análise de viabilidade financeira e análise de riscos são alvos de avaliação. Já os aspectos estruturais perpassam pela infraestrutura cicloviária (ciclovias e ciclofaixas), veículo (bicicletas) e estações. Destaca-se ainda que, no contexto brasileiro a infraestrutura cicloviária, tarifa e sistemas de segurança são particularidades de importante consideração.

Author Biographies

Philippe Barbosa Silva, Instituto Federal Goiano - Campus Rio Verde

Departamento de Engenharia Civil - Área: Engenharia de Transportes

Adriana Modesto de Sousa, Universidade de Brasília

Programa de Pós-Graduação em Transportes

Rodrigo Azevedo Cruz de Oliveira, Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão do Distrito Federal

Gestor em Gestão Pública e Gestão Governamental

Fabiana Serra de Arruda, Universidade de Brasília

Departamento de Engenharia Civil e Ambiental/Programa de Pós-Graduação em Transportes

References

Amorim, L. C., Oliveira, G. M., & Silva, A. N. R. (2014). Uma visão de mobilidade urbana sustentável segundo o discurso de pesquisadores e técnicos/gestores. In Anais do XXVIII Congresso de Pesquisa e Ensino em Transportes (ANPET), Curitiba, Brasil, 24-28 Novembro 2014 (pp. 24-28).

Batista, E. A. D. (2010). Bicycle Sharing in Developing Countries: A proposal towards sustainable transportation in Brazilian median cities. (Master Thesis). Royal Institute of Technology, Stockholm.

BH Trans (2013). Termo de Referência. Belo Horizonte: Empresa de Transporte e Trânsito de Belo Horizonte.

Cadena, R. P., Andrade, M. O., & Brasileiro, A. (2014). A necessidade da regulação do aluguel de bicicletas como serviço público complementar ao transporte urbano. In Anais do XXVIII Congresso de Pesquisa e Ensino em Transportes (ANPET), Curitiba, Brasil, 24-28 Novembro 2014 (pp. 1-12).

Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento (2013). GUIA DE PLANEJAMENTO DE SISTEMAS DE BICICLETAS COMPARTILHADAS. Rio de Janeiro: ITDP.

Melo, M. F. S. (2013). Sistema de bicicletas públicas: uma alternativa para promoção da mobilidade urbana sustentável no município de Recife. (Dissertação de mestrado). Universidade Federal de Pernambuco, Recife.

Ministério das Cidades (2007). Programa Brasileiro de Mobilidade por Bicicleta – BICICLETA BRASIL. Caderno de referência para elaboração de Plano de Mobilidade por bicicletas nas Cidades. Brasília: Secretaria Nacional de Transporte e Mobilidade Urbana.

Santander Cycles (2018). Santander Cycles – Transport of London. Disponível em: <https://tfl.gov.uk/modes/cycling/santander-cycles >. Acesso em: 02/06/2018.

Secretaria de Mobilidade do Distrito Federal (2013). Estudos de Transporte para Exploração do Sistema de Bicicletas de Aluguel no DF – Relatório de demanda, rotas e estudos socioeconômicos. Brasília: Secretaria de Mobilidade do Distrito Federal.

UN-Habitat (2013). Planning and Design for Sustainable Urban Mobility: Policy Directions. Nairobi, Kenya: United Nations Human Settlements Programme.

Vasconcellos, E. A. (2008). Transportes e Meio Ambiente: conceitos e informações para análise de impactos. São Paulo: Editora AnnaBlume.

Velib’ (2018). VELIB` Métropole. Disponível em: <https://www.velib-metropole.fr/>. Acesso em: 02/06/2018.

Xavier, G. N. A. (2007). O cicloativismo no Brasil e a produção da lei de política nacional de mobilidade urbana. Revista Eletrônica dos Pós-Graduandos em Sociologia Política da UFSC, 2(2), 16-21.

Zhang, Y. (2011). Evaluating performance of bicycle sharing system in Wuhan, China. (Master Thesis). University of Twente, Netherlands.

Zunino, L. R. (2007) Parque vivencial como ferramenta educacional de incentivo à mobilidade sustentável. (Tese de Doutorado). Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro.

Published

2019-11-20

How to Cite

Silva, P. B., Sousa, A. M. de, Oliveira, R. A. C. de, & Arruda, F. S. de. (2019). Implantação de sistemas de compartilhamento de bicicletas no contexto brasileiro: aspectos norteadores. Multi-Science Journal (ISSN 2359-6902), 2(2), 55-59. https://doi.org/10.33837/msj.v2i2.904

Issue

Section

Other Areas of Knowledge