A barra do Governo Federal só poderá ser visualizada se o javascript estiver ativado. Ir direto para menu de acessibilidade.

Opções de acessibilidade

GTranslate

    pt    en    fr    es
Página inicial > Últimas Notícias Trindade > Alunos e servidores promovem caça ao mosquito Aedes aegypti
Início do conteúdo da página

Alunos e servidores promovem caça ao mosquito Aedes aegypti

0
0
0
s2sdefault
Publicado: Sexta, 19 de Fevereiro de 2016, 14h50 | Última atualização em Quinta, 25 de Fevereiro de 2016, 12h12 | Acessos: 1825

Com orientações de segurança, alunos realizam vistoria no campus

Estudantes, professores e técnicos administrativos do IF Goiano – Campus Trindade iniciaram uma verdadeira caça aos possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti em toda a área da unidade de ensino em que frequentam diariamente. Os alunos receberam ainda material informativo impresso do Ministério da Saúde que explica como fazer uma faxina e interromper o ciclo do mosquito, e como proteger as gestantes. A ação do Campus faz parte da Mobilização Nacional contra este mosquito que acontece nesta sexta-feira (19/2) em diversas instituições de educação.

Segundo o presidente da Comissão de Esclarecimento e Combate ao Mosquito do Campus Trindade, professor José Geraldo, a ideia é mostrar aos alunos que é preciso primeiro cuidar do próprio espaço para depois ajudar a cuidar de locais próximos. “Agora que o Campus está servindo de exemplo iremos à comunidade realizar a conscientização e o combate aos criadouros do mosquito. Antes desta ação foi passado aos alunos orientações de segurança no manejo de sacos plásticos, copos ou qualquer outro possível criadouro”, explica o professor.

Mobilização contra o mosquito Aedes Aegypti

Clique na imagem e veja as imagens da ação de Mobilização Nacional contra o mosquito Aedes aegypti

Diretor de Vigilância em Saúde de Trindade, Hélio Pinheiro, ressaltou o efeito multiplicador da mobilização de combate ao mosquito nas várias esferas da Educação. “Os alunos aprendem e ensinam pais, vizinhos e amigos. São multiplicadores que conscientizam da importância de evitar que o mosquito nasça. É esse o foco da campanha, acabar com o mosquito”, pontuou.

Houve ainda palestra proferida pela coordenadora de Educação e Saúde de Trindade, a bióloga Liliane Alves da Silva, aos alunos que conheceram a gravidade das doenças transmitidas pelo mosquito como dengue, chikungunya e zika, além da importância do combate a este vetor. “O Zika tem relação com os casos de microcefalia (quando o cérebro dos bebês não se desenvolve de maneira adequada). O aumento do número de casos de zika tem acontecido nos mesmos lugares e época, o vírus foi achado no tecido nervoso de um recém-nascidos”, afirma.

Preliminarmente, a coordenadora de Educação e Saúde de Trindade repassou à Assessoria de Comunicação do Campus Trindade um quadro epidemiológico atualizado do número de casos de dengue no município. Confira.

 

Para o professor de Geografia, Wildes Jesus Rodrigues diante de tantas informações a responsabilidade de evitar a proliferação destas doenças é de todos. “Precisamos fazer a nossa parte e a dos outros. O mosquito não se prolifera apenas em lixo e entulhos, ele pode procriar em plantas. Todo cuidado é necessário”, frisa.

 

Assessoria de Comunicação – IF Goiano, Campus Trindade

Fim do conteúdo da página