A barra do Governo Federal só poderá ser visualizada se o javascript estiver ativado. Ir direto para menu de acessibilidade.

Opções de acessibilidade

GTranslate

    pt    en    fr    es
Início do conteúdo da página
pesquisa

IF Goiano tem primeiro polo Embrapii de Goiás

Publicado: Quarta, 06 de Setembro de 2017, 12h28 | Última atualização em Quarta, 13 de Setembro de 2017, 09h49 | Acessos: 389

Polo em Rio Verde deve atuar no desenvolvimento e validação de tecnologias agroindustriais, em parceria com empresas.

O Instituto Federal Goiano (IF Goiano) conquistou o credenciamento da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii). O polo Embrapii de Tecnologias Agroindustriais (PETAgro) está em Rio Verde e reúne pesquisadores do Campus Rio Verde e do Polo de Inovação da instituição. O credenciamento foi oficializado nesta quarta-feira, 6, em cerimônia realizada no prédio do Ministério da Educação em Brasília, com a presença dos ministros da Educação, Mendonça Filho, e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab.

O objetivo da Embrapii é fomentar a cooperação entre instituições de pesquisa tecnológica e a indústria. Para isso, são feitos credenciamentos de equipes nessas instituições, as unidades Embrapii, que possuem reconhecida excelência em sua área de atuação.

Os projetos do polo do IF Goiano devem ser desenvolvidos a partir de demandas do setor agroindustrial e serão financiados por recursos de empresas interessadas e da própria Embrapii. O IF Goiano participa do investimento fornecendo, por exemplo, laboratórios, horas de trabalho dos pesquisadores, bolsas para alunos, entre outros.

Segundo o pesquisador Alaerson Maia Geraldine, coordenador da proposta, o polo em Rio Verde vai trabalhar com projetos de desenvolvimento e validação de tecnologias em duas linhas de atuação: tecnologias aplicadas à produção e manejo agrícola, e tecnologias para processamento e armazenamento de grãos. De acordo com ele, o desenvolvimento de tecnologias agroindustriais é hoje um dos maiores desafios para a agricultura brasileira. "O Brasil será o principal responsável por atender a demanda crescente por alimentos no mundo e deve fazer isso de modo sustentável, ou seja, reduzindo custos e desperdícios e aumentando a produtividade", explicou o pesquisador.

O reitor do IF Goiano, Vicente Pereira de Almeida, afirmou que o credenciamento Embrapii e as parcerias com a iniciativa privada são fundamentais para a pesquisa tecnológica e a inovação no instituto: "Mais que a formação de recursos humanos, o IF Goiano tem compromisso com o desenvolvimento econômico e tecnológico do país", comentou.

Além do IF Goiano, foram credenciados os Polos dos Institutos Federais de Santa Catarina, Sul de Minas e da Paraíba. As quatro instituições concorreram com outros 14 institutos em edital de credenciamento lançado pela Embrapii no início deste ano.

Assessoria de Comunicação Social do Polo de Inovação

registrado em:
Fim do conteúdo da página