A barra do Governo Federal só poderá ser visualizada se o javascript estiver ativado. Ir direto para menu de acessibilidade.

Opções de acessibilidade

GTranslate

    pt    en    fr    es
Início do conteúdo da página

PM, CPE, Bombeiros e Guarda Municipal recebem álcool em gel produzido no campus

0
0
0
s2sdefault
Publicado: Quarta, 08 de Abril de 2020, 11h37 | Última atualização em Sexta, 17 de Abril de 2020, 10h23 | Acessos: 305

Servidores efetivos e terceirizados, que estão atuando na linha de frente dos serviços essenciais, também receberam o produto embalado para uso individual. Além disso, todos os dispensers do campus foram abastecidos.

A entrega do álcool em gel, produzido por pesquisadores dos programas de pós-graduação em Tecnologia de Alimentos e em Agroquímica, foi feita logo após a rotulagem das embalagens.

Foram utilizados três tipos de rótulos, cada um com um tamanho proporcional aos quatro tamanhos de embalagens utilizadas para armazenamento do produto.

As etiquetas foram uma doação da Gráfica Visão. Parte das embalagens foi doada pela empresa de refrigerantes e água mineral Rinco e, para o o transporte dos frascos, a International Papel doou 200 caixas de papelão.   

Ainda em relação às doações, nesta semana mais um parceiro se juntou ao projeto. A Usina Danusa que fez a entrega de 150 litros de álcool. Um quantitativo, que, somado aos mais de 200 litros doados pela prefeitura, está sendo possível continuar a produção do álcool em gel e álcool em líquido 70%.

Para os pesquisadores envolvidos na produção, as doações são importantes porque ajudam na continuidade dos trabalhos no laboratório.

Entrega de álcool em gel para a Polícia Militar, CPE, Guarda Municipal, Bombeiros e servidores

Para os policiais militares, o campus fez a entrega de 200 frascos de 200 gramas. Segundo o comandante do 2º Batalhão da Polícia Militar de Rio Verde, Tenente Coronel Alessandro Arantes de Sousa, as unidades serão entregues aos policiais que estão atuando nas ruas de Rio Verde, Santo Antônio da Barra, Montividiu e nos distritos de Ouruana, Lagoa do Bauzinho e Riverlândia. O Comando Independente de Policiamento Especializado (CPE) também foi contemplado com cerca de 15 litros do produto e a Guarda Municipal de Rio Verde recebeu 16 litros.

O  Corpo de Bombeiros recebeu 50 frascos. A entrega foi feita ao Tenente Coronel  Amilton de Sousa Conceição. Atendendo a uma reivindicação do tenente, o laboratório vai avaliar o álcool que a corporação utiliza na higienização das viaturas, a fim de detectar se é possível fazer uma diluição e aumentar sua capacidade de utilização.

A entrega do álcool em gel aos servidores reuniu alguns técnicos administrativos e uma representante dos colaboradores terceirizados.

Foram distribuídas 150 garrafas de 200 gramas e mais 50 frascos de 1 litro, quantitativo que será distribuído àqueles que estão trabalhando nos serviços essenciais. Parte do produto irá abastecer os recipientes de álcool em gel que estão sendo instalados no campus.

Para o diretor-geral do Campus Rio Verde, professor Fabiano Guimarães, a entrega do álcool em gel aos policiais, bombeiros, guarda municipal e servidores é uma forma de colaborar com quem está na linha de frente de atividades que não podem parar.  

Ao lado da diretora de administração e planejamento, Lucilene Bueno Borges de Almeida, o diretor disse que, agindo dessa forma,  “a instituição está cumprindo com o seu papel social de se fazer presente na sociedade em um momento tão delicado como o que estamos atravessando”, pontuou.

É importante salientar que esse projeto faz parte das ações de extensão do Campus Rio Verde. Segundo a diretora de extensão, professora Haihani Silva Passos, "a extensão universitária é um dos pilares da Educação e, paralela ao ensino e a pesquisa, alcança aqueles que mais necessitam do nosso amparo neste momento".

Haihani complementa dizendo que as atividades extensionistas mostram que a Instituição é muito mais que sala de aula. É condutora de desenvolvimento de muitas frentes importantes de amparo à sociedade. "Nós acreditamos no papel que a ciência pode desempenhar em conjunto com a sociedade para minimizar os feitos da pandemia. Por isso, contamos com a parceria das empresas e de toda a sociedade para a continuidade do projeto", finaliza.

Assessoria de Comunicação Social

Fim do conteúdo da página