A barra do Governo Federal só poderá ser visualizada se o javascript estiver ativado. Ir direto para menu de acessibilidade.

Opções de acessibilidade

GTranslate

    pt    en    fr    es
Início do conteúdo da página

IX Jornada Técnico-Científica e Cultural mostra a força dos cursos técnicos

0
0
0
s2sdefault
Publicado: Quinta, 01 de Novembro de 2018, 17h40 | Última atualização em Segunda, 05 de Novembro de 2018, 13h26 | Acessos: 353

A ciência como forma de redução das desigualdades é o tema da IX JTCC que acontece no Campus Rio Verde. Coordenadores de cursos, professores e estudantes estão envolvidos em diversas atividades com foco em inovação, negócios e tecnologia, a exemplo da Mostra dos Cursos que ocorreu na noite de terça-feira.

No ginásio de esportes e lazer do campus estandes mostraram produtos resultantes das técnicas apreendidas nos cursos técnicos, a exemplo dos cursos técnicos em Alimentos e em Agropecuária. Também foram apresentados serviços para os quais os alunos são preparados nos cursos técnico em Administração, Contabilidade, Segurança do Trabalho, Edificações, Biotecnologia, dentre outros.

A novidade dessa Mostra foi o espaço reservado para os egressos do curso técnico em Agropecuária de 1988, ex-alunos que estão há 30 anos atuando no mercado de trabalho.

Sob a coordenação do professor Elis Bento, o grupo decorou o estande com produtos bem característicos da agropecuária local, como um fardo de feno representando a produção animal, uma saca de milho com os grãos expostos simbolizando as culturas anuais da região e que hoje empregam muitos egressos do Técnico em Agropecuária.

A fruticultura local foi representada por um cacho de banana e cestos de laranjas. O grupo também não se esqueceu do segmento sucroalcooleiro, com pés de cana enfeitando o lugar. A mecanização foi mostrada por meio de fotografias de máquinas agrícolas. No local também foram expostos pôsteres de trabalhos científicos realizados pelos estudantes, assim como um painel com registros das atividades e estruturas da instituição da década de 1980.

O estande do curso técnico em Química atraiu muitos curiosos interessados em conhecer os experimentos que são realizados nos laboratórios.

Muito movimento também no estande do curso Técnico em Informática que mostrava um computador, que continua funcionando mesmo mergulhado em uma substância que não conduz eletricidade.

Diversas foram as atividades voltadas ao empreendedorismo, como os estandes de roupas e cosméticos. Até um estúdio de maquiagem foi montado no local.

Alunos do Proeja/Administração mostraram vários trabalhos, dentre eles, uma empresa de comunicação visual e um projeto de sinalização dos espaços do campus, com a finalidade de auxiliar no deslocamento das pessoas aos locais desejados.  

Segundo a gerente de ensino médio e técnico, professora Haihani Passos, o trabalho só foi possível devido ao entusiasmo das pessoas envolvidas nas atividades. “Sem a motivação dos coordenadores de cursos, professores e alunos não seria possível a realização de uma Mostra tão completa como essa”, pontuou. Professora Haihani aproveitou para agradecer a todas as diretorias envolvidas diretamente nas ações, como a Diretoria de Extensão que não mediu esforços para viabilizar os trabalhos.

Presente na Mostra, o diretor de pesquisa e pós-graduação, professor Alan Carlos Costa, disse que ações desse tipo mostram a força dos cursos técnicos de nível médio para a comunidade de um modo geral, e que é preciso lutar, de forma incansável, por mais investimentos nesse nível de ensino.

A Mostra foi animada pelos músicos do Núcleo de Ciência, Artes e Cultura do IF Goiano (NAIF).

 

Veja fotos

 

Setor de Comunicação Social e Eventos

Fim do conteúdo da página