A barra do Governo Federal só poderá ser visualizada se o javascript estiver ativado. Ir direto para menu de acessibilidade.

Opções de acessibilidade

GTranslate

    pt    en    fr    es
Início do conteúdo da página

Impactos e desdobramentos da Covid-19 no Brasil são assuntos tratados na abertura do Midex

0
0
0
s2sdefault
Publicado: Sábado, 23 de Maio de 2020, 12h56 | Última atualização em Terça, 26 de Maio de 2020, 17h47 | Acessos: 411

Maratona de Inovação da Diretoria de Extensão: Covid19 começa com palestra da professora da Universidade Federal de Goiás, Erika Aparecida da Silveira. Doutora em epidemiologia, a professora abordou, de forma simples, a complexidade da crise causada pelo Novo Coronavírus e fez provocações aos participantes do evento.

Antes da palestra, a diretora de extensão do Campus Rio Verde, professora Haihani Passos, deu início aos trabalhos da maratona., que consistem em 48 horas de imersão em ideias que possam colaborar com o enfrentamento da crise gerada pela pandemia do Novo Coronavírus. Segundo a professora Haihani, todas as atividades são acompanhados por um grupo de mentores - profissionais com expertise em inovação.

Os pró-reitores de extensão e de pesquisa, pós-graduação e inovação do IF Goiano, professora Geisa D’Ávila Ribeiro Boaventura e professor Alan Carlos Costa, participaram da abertura da maratona. Professora Geisa destacou a importância do evento em um momento de tamanha gravidade. Segundo ela, a maratona é uma forma de reconhecer a capacidade do ser humano de pensar, criar e inovar diante de uma crise tão grave.

Professor Alan ressaltou a importância do trabalho dos mentores para a condução dos processos e parabenizou aos inscritos na maratona pela disposição de participar de uma ação que poderá resultar em projetos de impacto para a comunidade.

O diretor-geral do Campus Rio Verde, professor Fabiano Guimarães, lembrou que a maratona, realizada de forma online, é um jeito inovador de alcançar aqueles que estão em isolamento social.

Professor Fabiano aproveitou para falar de um projeto grandioso na área de produção de alimentos que está em fase de formatação. De acordo com o diretor, os participantes da maratona poderão ser parceiros do projeto.

Palestra

O enfrentamento das consequências geradas pela pandemia do Covid-19, segundo a professora Erika, passa pela necessidade de se pensar na coletividade. A pesquisadora cita como exemplo o uso das máscaras e a própria higienização, que não são apenas formas de proteção individual, mas também dos outros.

Sobre os impactos sociais e econômicos, a palestrante destacou a importância da reinvenção, levando em conta as habilidades humanas, como a criatividade, como já fazem as maiores empresas dos países de primeiro mundo. As políticas públicas também precisam ser reavaliadas, na opinião da professora, que destaca a importância do SUS.

Sobre o atual momento de expansão da contaminação no Brasil, professora Erika defende um maior rigor nas regras para o distanciamento social e lamenta seu afrouxamento por parte dos governantes. A respeito da vacina, apesar de muitas pesquisas nesse sentido, a professora acredita que em menos de um ano ela não será produzida.

Como epidemiologista, ela disse não ter condições de prever um prazo para o fim da pandemia no Brasil e explicou que o país apresenta nuances diferentes de outras nações a respeito da política de enfrentamento da crise por parte dos dirigentes públicos.  

Por fim, a professora fez algumas provocações aos participantes da maratona de inovação, dentre elas, o desenvolvimento de propostas sobre o funcionamento das escolas durante a pandemia; a abertura de novos campos de trabalho; a venda de produtos e serviços mesmo de portas fechadas, dentre outros. A palestrante também sugeriu que todos pensassem sobre o papel do governo, da sociedade, do IF Goiano, da ciência e de cada um.

A Midex Covid-19 tem o apoio do Sebrae e da Simple Agro - Agribusiness Systems, (empresa de tecnologia para o agronegócio).

 

Assessoria de Comunicação Social e Eventos

 

Fim do conteúdo da página