A barra do Governo Federal só poderá ser visualizada se o javascript estiver ativado. Ir direto para menu de acessibilidade.

Opções de acessibilidade

GTranslate

    pt    en    fr    es
Início do conteúdo da página

Férias Científicas: uma experiência imersiva no Campus Ceres

0
0
0
s2sdefault
Publicado: Quinta, 19 de Novembro de 2020, 23h39 | Última atualização em Sexta, 27 de Novembro de 2020, 00h06 | Acessos: 158

Sem tradição de contato com o fazer científico, estudantes de escolas públicas passam três dias no Campus Ceres, explorando laboratórios, áreas de campo e práticas investigativas em diferentes áreas de pesquisa

Por Tiago Gebrim e Rhafael Maia
Fotos: projeto Férias Científicas

 

 

Idealizado com a intenção de difundir a cultura científica no Vale do São Patrício a estudantes de escolas públicas, o projeto Férias Científicas, do Campus Ceres do Instituto Federal Goiano (IF Goiano), oferece uma oportunidade ímpar de imersão no fazer científico. Previsto para ocorrer anualmente, sempre nas férias de julho, o projeto tem uma programação dinâmica de três dias que traz o melhor que a Instituição tem a oferecer.

A seleção de discentes é feita pelas escolas de Ceres, Rialma e municípios limítrofes, que, a pedido do IF Goiano, buscam aqueles interessados no projeto, que cursem 8º ou 9º ano do Ensino Fundamental, e cujos pais autorizem a participação nas atividades. A programação é diversificada, englobando períodos para lazer e esporte e, principalmente, atividades nos diversos laboratórios do campus – Informática, Química, Biologia, Anatomia, entre outros. Os participantes, literalmente, colocam a mão na massa, possibilitando contato próximo com iniciativas de investigação científica.

“Sabemos que essa é uma carência que nosso País tem, e nós como instituição pública de educação, que tem como base o ensino, a pesquisa e a extensão, temos obrigação social de dialogar com a sociedade e de promover atividades [que difundam] a cultura científica”, explica Fausto Filho, idealizador do Férias Científicas. Ele esteve à frente da edição de 2019, ano em que o projeto trouxe 27 estudantes de diferentes escolas, cuja participação resultou em bastantes elogios pelos respectivos pais e coordenadores escolares.

Além dos estudantes convidados, o projeto também contribui para amadurecimento dos acadêmicos do IF Goiano, que atuam como monitores no planejamento e condução das atividades. É o que conta Regina Dias, estudante de Ciências Biológicas monitora na última edição do Férias Científicas: “Foi uma experiência muito gratificante, três dias estimulando esses alunos a pensarem ‘fora da caixa’, [acompanhando] a descoberta de um novo universo no qual eles, as estrelas do projeto, participaram com extrema beleza e responsabilidade”, relembra.

Neste ano de 2020, por ocasião da pandemia de Covid-19 e o isolamento social, o Férias Científicas não pôde ocorrer como era planejado. A expectativa é que em 2021, tão logo sejam restabelecidas as atividades de ensino presenciais, a Instituição inicie contato com as escolas para mapear as turmas e estudantes interessados em participar da próxima imersão.

 

 

 

Equipe IF na Cidade – adaptado pela Ascom Campus Ceres

Fim do conteúdo da página